01 junho 2015

Utopia



























Se a perfeição não existe, do que devo lhe chamar?
Nunca vi algo tão intenso, e que vidrasse tanto o meu olhar
Quando um dia eu puder encontrar
Essa palavra para lhe decifrar
Me permita falar
Ali, ao seu ouvido, em frente ao mar
Que por você, eu nunca me cansarei de procurar.

Um comentário :

  1. Que lindo!
    Eu gosto de escrever, mas não tenho tanto talento assim.. haha
    Curti muito..

    O Outro Lado da Raposa

    ResponderExcluir